X-EMPIRE: Sonoridade em constante evolução!

Para comemorar a enorme receptividade e os números expressivos de visualizações de “Paralyzed”, single que marcou o retorno às atividades da banda X-EMPIRE após um hiato de mais de dois anos, foi lançado – em áudio e vídeo – uma nova e emotiva versão totalmente acústica, mais melódica e sem os vocais guturais, porém com a mesma melodia marcante de sua versão original, deixando claro que não há limites dentro da arte e estilo do quarteto paulista!

As guitarras de André Silva e todos os vocais odiosos de Michel Villares presentes na versão original deram lugar a violões e vozes mais melódicas e claras, transbordando doses proporcionais de energia, sentimento e melodia num clima totalmente envolvente.

Assista “Paralyzed (Acoustic Sessions)” em:
https://youtu.be/9VTeu7ZDGFo

Ouça “Paralyzed (Acoustic Sessions)” em:
Spotify: https://spoti.fi/3xYKtYS

Produção, Engenharia de som, Mixagem e Masterização por Michel Villares (M&H Studio)
Co-Produção e Engenharia de som adicional por Ricky Franco (M&H Studio)
Ambiências, Teclados e Sintetizadores por Caio Garibaldi
Direção de Vídeo, Produção, Pós-Produção e Edição por Michel Villares (M&H Studio)
Filmado no M&H Studio, Song Station Studio e YouCover Studio

“Desde o início foi um desafio criar a versão acústica da “Paralyzed”, pois ela possui muitas partes diferentes e muitos temas melódicos. Tentamos criar um arranjo diferente e que ao mesmo tempo soasse como o original, sem perder a energia da versão elétrica. O resultado ficou incrível, um som envolvente e de muita qualidade, porém com uma roupagem bem diferente da original. Creio que mostramos nessa versão ainda mais toda a nossa evolução em relação aos trabalhos anteriores”, comentou André Silva (guitarra).

“Percebemos que a música tinha uma melodia vocal muito marcante e também um grande potencial musical se feito por outra perspectiva. Essa versão com violão e voz trouxe uma profundidade ainda maior para a composição. O Michel e o André foram muito felizes no novo arranjo adaptado, pois trouxeram a camada mais emotiva da música para a frente. Já na linha do baixo, a ideia era trazer um pouco do peso do metal sem tirar o protagonismo do violão e vozes. Ficou surpreendente!”, comentou Emerson Soares (baixo).

“Esse nosso single de retomada na carreira teve um belíssimo engajamento! Ficamos muito felizes sobre a aceitação e receptividade da música. Nos disseram que evoluímos muito musicalmente e que se surpreenderam, pois não era algo que esperavam. Foi um lançamento sem nenhuma pretensão de nossa parte, e a versão acústica também. Decidimos somente seguir algumas tendências vindas de fora de bandas como Bad Omens, Vitja e muitas outras que além de pesadas também fazem versões acústicas. Essa nossa versão foi feita para os fãs que não querem sempre gritos e peso a todo momento, focando mais na melodia com violões, ambiência e emoção. Foi um grande feito fazermos essas duas versões soarem tão bem onde cada uma não descaracteriza a outra”, finalizou Michel Villares (vocal).

Michel Villares (vocal), Emerson Soares (baixo) e André Silva (guitarra) retomaram a carreira com nova abordagem e sonoridade junto ao baterista contratado Dough D’Magalhães, também parceiro de Michel na banda Death Conspiracy, de Brutal Technical Death Metal, e continuam compondo/gravando novo material para novos ressurgimentos e em constante evolução.

Muito em breve um novo single elétrico intitulado “Replacing” será lançado, bem como outras faixas totalmente acústicas. Fique ligado, pois as surpresas não vão parar por aí!

Mais informações:

Formado em 2012, na cidade de São Paulo, o X-EMPIRE tem o objetivo de expressar sua sonoridade de forma contemporânea, usando novos e profundos conceitos líricos que combinam com as melodias em total equilíbrio, agradando grande parte do público apreciador de refrões marcantes e vertentes mais progressivas, modernas e pesadas dentro do Metal. Com vocais que variam do melódico ao ríspido, intercalados com passagens mais guturais e rasgadas, fomentam uma sonoridade única calcada nos riffs de guitarra bem estruturados, baixo e bateria técnicos com fortes influências que vão do Groove Metal, Djent, Prog Metal e até Metalcore.

Discografia:

“Fallen” (Single/2012)
“No Answers” (Single/2013)
“End Of Times” (EP/2014)
“Grief” (Álbum/2017)
“Hard To Breathe” (Single/2020)
“Paralyzed” (Single/2022)
“Paralyzed (Acoustic Sessions)” (Single/2022)

Formação:

Michel Villares – Vocal
André Silva – Guitarra
Emerson Soares – Baixo
Dough D’Magalhães – Bateria

Ouça X-EMPIRE em:

Spotify: https://spoti.fi/36JnwNM
Deezer: https://bit.ly/3Leyyde
Apple: https://apple.co/3IwIM6E
Bandcamp: https://xempireofficial.bandcamp.com
Youtube: www.youtube.com/xempireofficial

Mídias Sociais:

Facebook: www.facebook.com/xempireofficial
Instagram: www.instagram.com/xempire_official

JZ Press
“Sua arte em evidência!”
E-mail: jzpress@metalnalata.com.br
Facebook: www.facebook.com/jzpressassessoria
Instagram: www.instagram.com/jzpressassessoria

Nos sigam e deêm um like na gente \m/
error
fb-share-icon

About Gustavo Diakov

Idealizador disso aqui, Fotógrafo, Ex estudante de Economia, fã de música, principalmente Doom/Gothic/Symphonic/Black metal, mas as vezes escuto John Coltrane e Sampa Crew.

View all posts by Gustavo Diakov →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.