Sonoridade Indica: Thy Light

O #sonoridadeindica dessa semana é do Bruno Santos.

A primeira vez que ouvi algo do Thy Light foi durante uma sessão de tatuagem. A atmosfera depressiva, angustiante e que, ao mesmo tempo, também é caótica, me chamou a atenção. A trilha dessa sessão começou pela música “…and I Finally Reach My End” do album “Suici.De.Pression” de 2007, que mais tarde se tornou a minha favorita. O anseio por conhecer mais sobre a banda aumentava a cada faixa executada.

O Thy Light é uma banda de Limeira, no Estado de São Paulo. Formada por Paolo Bruno, a one man band é uma grande referência do estilo Introspective Black Metal, não só no Brasil, mas em diversos países do mundo.

Em Junho deste ano, lançaram um EP self titled, oito anos após o lançamento do álbum “No Morrow Shall Dawn”. Recomendo escutarem os álbuns na ordem de lançamento, não só pela evolução da sonoridade, mas para sentir a atmosfera que cada um deles nos traz.

https://www.facebook.com/officialthylight/

https://instagram.com/thylight.official?utm_medium=copy_link

https://thylightofficial.bandcamp.com/

Nos sigam e deêm um like na gente \m/

About Gustavo Diakov

Idealizador disso aqui, Fotógrafo, Ex estudante de Economia, fã de música, principalmente Doom/Gothic/Symphonic/Black metal, mas as vezes escuto John Coltrane e Sampa Crew.

View all posts by Gustavo Diakov →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *