Coala Festival revela line-up de DJs com Brime, Deekapz e Tata Ogan

A maior edição da história do Coala Festival vai ganhando forma aos poucos. Marcado para os dias 16, 17 e 18 de setembro, no Memorial da América Latina, em São Paulo, o evento traz novidades em seu formato, como a data extra oferecida pelo Itaú Unibanco, mas também mantém a sua essência e as características que fizeram dele referência e o principal festival de música brasileira do país. Assim como a programação de shows é sempre pensada de forma cuidadosa, a escolha do line-up de DJs é feita com a mesma atenção. Neste ano, estão confirmados: Brime, KL Jay, Deekapz, Tata Ogan, Discopédia, entre outros. Os ingressos para os dias 17 e 18 de setembro já estão esgotados, mas ainda há entradas — no Total Acesso (acesse aqui) — para a data extra, 16 de setembro, quando sobem ao palco: Djavan, Alcione com Céu, Liniker, Mayra Andrade e Tasha & Tracie.

“Os DJs sets são parte essencial do festival desde a primeira edição. Mais do que fazer a costura entre as apresentações, as performances destes artistas dão ainda mais pluralidade aos sons presentes no Coala, além de introduzir novos sons ao público presente”, afirma Gabriel Andrade, sócio-fundador e curador do Coala Festival.

Uma boa amostra disso é a presença do BRIME na programação de DJ sets do Coala 2022. Trata-se de um um projeto criado pelo produtor Cesrv e pelos MC’s Febem & Fleezus. Após uma viagem para a cidade de Londres, os três artistas paulistanos fizeram uma conexão da sua sonoridade com a música e a cultura do grime londrino e, em seguida, soltaram o álbum intitulado BRIME!, que ganhou repercussão nacional.

Na sexta (16 de setembro), a discotecagem do Coala Festival conta com

Deekapz, Gustavo Treze, KL JAY,  Peroli e Mooc. O segundo dia do evento, 17 de setembro, quando se apresentam Gal Costa (com a participação de Tim Bernardes e Rubel), Alceu Valença, Ana Frango Elétrico, Bala Desejo, BK’ e Rachel Reis, o line-up de DJs é composto por Odara Kadiegi, Vitória Nicolau, Tudo, Ubunto, Brime e Tata Ogan. No último dia, domingo, 18 de setembro, Discopédia, Cinara, Barulhista, Diaz, Miria Alvez e Liz Tibau assumem os toca-discos, enquanto os shows ficam por conta de Maria Bethânia, Rodrigo Amarante, Black Alien, Marina Sena, Nego Bala, Chico Chico com Juliana Linhares.

Vale lembrar que todos que já haviam garantido ingressos para os dias 17 e 18 de setembro terão um desconto de 20% na compra do ingresso para o dia 16 de setembro.

Mais informações, a seguir:Coala Festival 2022
Data:
16, 17 e 18 de setembro

Local: Memorial da América Latina

> Ingresso avulso – Sexta-feira (terceiro lote)

Meia-entrada: R$ 105,00

Ingresso solidário: R$ 160,00

Inteira: R$ 210,00

Tipos de Ingressos:

>  Passe Coalático: Válido para todos os dias do Coala FSTVL©️ 2022

>  Inteira: Válido apenas para o dia escolhido

> Meia-entrada: Válido apenas para o dia escolhido (obrigatória a apresentação do documento comprobatório ao direito a meia-entrada na entrada no evento).

> Ingresso Solidário: Válido apenas para o dia escolhido (obrigatória a entrega de 1 kg de alimento não-perecível na entrada do evento)Sobre o Coala Festival
Criado em 2014, o Coala Festival é um dos eventos mais importantes do país, além de ser um dos mais aguardados do calendário. Responsável por ditar tendências e fortalecer a música brasileira de forma criativa e diversa, o festival realizou seis edições no Memorial da América Latina, em São Paulo, por onde passaram nomes como Caetano Veloso, Gilberto Gil, BaianaSystem, Emicida, Duda Beat, Dona Onete, Liniker, entre outros. Agora, em 2022, o Coala passa a ter três dias de duração. Na maior edição de sua história, o festival celebra a retomada sem perder a sua essência, com espaço para encontros, fusões de ritmos e representantes de vários gêneros musicais e regiões do Brasil.

Nos sigam e deêm um like na gente \m/
error
fb-share-icon

About Gustavo Diakov

Idealizador disso aqui, Fotógrafo, Ex estudante de Economia, fã de música, principalmente Doom/Gothic/Symphonic/Black metal, mas as vezes escuto John Coltrane e Sampa Crew.

View all posts by Gustavo Diakov →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.