Hate Moss traz sensualidade na trip hop Peonia , 2º single do novo disco NaN

O duo Hate Moss traz elementos do trip-hop e dark wave na envolvente ‘Peonia’, o segundo single do segundo disco, “NaN” (Not a Number), previso para sair em maio tanto nas plataformas como em formato físico.

Ouça Peonia aqui: https://rebrand.ly/HateMoss_Peonia.

Diferente do single anterior, ‘Eremita’, cantado em italiano, ‘Peonia’ traz a Hate Moss em inglês, uma marca do duo – compor em vários idiomas e também construir as canções com elementos de distintos gêneros musicais.

‘Peonia’, revela a dupla formada pelos ítalo-brasileiros Tina (vocal e eletrônica) e Ian (vocal e bateria), é uma canção banal de amor.

“Tina disse-me, brincando, que eu nunca tinha escrito uma canção para ela, daí resolvi compor Peonia, que leva o nome da flor que ela mais gosta”, conta Ian.

Na letra, a Hate Moss aborda eventuais dificuldades em relacionamentos e sobre a importância de tenta seguir em frente na relação quando existe cumplicidade e lealdade.

As melodias de Peonia são fundamentais para o contexto do single como um todo. Cada beat e dinâmica orienta o ouvinte a diversos lugares, às vezes exóticos, em outros momentos que remete à sensualidade.

“Acho que é uma música que se encaixa perfeitamente em uma playlist de fim de noite”, sugere Ian.

No Brasil, a Hate Moss promove este e os próximos lançamentos por meio do selo Before Sunrise. Na Itália e Reino Unido, a distribuição acontece pela gravadora do duo, a Stock-a, enquanto na América Latina sai pela Rock City.

Hate Moss biografia

Hate Moss é uma dupla ítalo-brasileira formada por Tina (vocal e eletrônica) e Ian (vocal e bateria).

Em 2017, Tina e Ian se conheceram em Londres (Reino Unido) e decidiram abrir um selo independente, Stock-a Records, que mais tarde se tornou o Stock-a Production, um coletivo com o objetivo principal de apoiar artistas emergentes.

Sua colaboração se tornou um projeto musical em 2018 quando lançaram seu primeiro single “Honey”, seguido de várias turnês pelo Brasil, Itália e Reino Unido.

O primeiro álbum, “Live Twothousandhatein”, foi lançado em maio de 2019 por meio de sua própria gravadora e os levou a apresentar seus trabalhos na Espanha, Portugal e Turquia, bem como em festivais internacionais como a Bienal de Veneza (IT), Festival Locomotiva (BR) e Goiania Noise (BR), onde dividiram o palco com artistas famosos do underground como Rakta, Boogarins e Ratos de Porão.

Em 2020, devido à Covid-19, eles tiveram que cancelar sua primeira turnê europeia, que os teria visto se apresentar em 7 países com 15 shows. Durante esse tempo, eles lançaram seu single “Fog”, que foi gravado, produzido e lançado durante seu primeiro lockdown em Londres.

Durante o verão de 2020, devido às situações de pandemia e Brexit, a banda foi forçada a retornar à Itália, onde decidiu se concentrar em seu novo álbum.

Nos sigam e deêm um like na gente \m/
error
fb-share-icon

About Gustavo Diakov

Idealizador disso aqui, Fotógrafo, Ex estudante de Economia, fã de música, principalmente Doom/Gothic/Symphonic/Black metal, mas as vezes escuto John Coltrane e Sampa Crew.

View all posts by Gustavo Diakov →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.