INFESTATIO: Matéria especial sobre gutural feminino destaca vocalista Jaqueline Albino, confira!

Jaqueline Albino, nova vocalista da banda paulista INFESTATIO, ganhou grande destaque em matéria especial sobre gutural feminino publicada no último dia 20/07 pelo site Acesso Music.

Neste artigo, a cantora comentou um pouco sobre seu ingresso e trajetória no meio musical, e como conheceu sua atual professora de canto, Tati Klingel“Minha mãe me apresentou o Arch Enemy, e foi um choque ver que uma mulher conseguia fazer vocais extremos. Foi paixão à primeira vista. Porém, eu tinha 13 anos e não fazia ideia onde encontrar uma professora de canto. No final do ano passado conheci a Tati pelo Instagram através de uma indicação, e não pensei duas vezes antes de procurá-la para fazer aulas. Para minha surpresa, fazer gutural não era tão difícil quanto parecia, apesar de haver uma série de cuidados necessários para não ferrar as cordas vocais”.

Escrita pelo redator Clovis Roman, a matéria intitulada “O sonho de ter uma banda não tem prazo de validade” obteve positiva repercussão na imprensa especializada, sendo massivamente replicada em diversos veículos de comunicação do Brasil. Leia completa aqui: https://sonoridadeunderground.com.br/pagina-inicial/2021/07/22/o-sonho-de-ter-uma-banda-nao-tem-prazo-de-validade/

Tati Klingel, por sua vez, é reconhecida por ser a precursora no vocal gutural feminino em Curitiba/PR e hoje dá voz aos grupos Hokmoth e Divine Pain, além de lecionar suas técnicas por meio do projeto A Arte de Berrar. Conheça mais deste método aqui: https://tatiklingel.com/

Em paralelo, o INFESTATIO segue trabalhando na divulgação do seu novo single, “Never Fall Back”, lançado em maio deste ano em TODAS as principais plataformas digitais e como videoclipe oficial no YouTube e Instagram: https://li.sten.to/NeverFallBack

https://www.instagram.com/tv/CQHrd6mgG6e/

INFESTATIO iniciou suas atividades no início de 2000, e teve sempre como objetivo criar um som próprio pesado, rápido e direto! As influências de seu membro fundador, Rafael Neves, voltadas para as bandas de Thrash Metal dos anos 80 se mostraram claras logo nas primeiras composições. Após anos em atividade com algumas trocas de integrantes, onde cada um sempre agregava novas influências a banda foi se mantendo fiel a proposta inicial, fazer um som voltado para o Thrash Metal, mas sempre flertando com outras ideais e conceitos, mas tendo um foco principal, que é o PESO.

Ao longo desses anos a banda teve o prazer de fazer vários shows, inclusive no estado do Rio de Janeiro, Minas Gerais e no interior do estado de São Paulo, e de ter participado de alguns festivais relevantes na região.

O INFESTATIO, em 2013, lançou seu último registro físico, o EP “F.Y.A.”, que foi extremamente bem recebido pela mídia especializada, e levou a banda a muitos eventos para a sua divulgação. Em 2017 a banda lançou o single da música “Jeff”, em homenagem ao grande Jeff Hennemann, que sempre foi grande influência para a banda.

Em 2020 o grupo lançou seu debut álbum, intitulado “Unleashed The End”, ainda como um duo – Rafael Neves (vocais e guitarra) e Caio Piccolotto (bateria) – em um álbum muito bem recebido pela imprensa especializada e que contou com algumas participações especiais, dentre elas, Fernanda Lira (Crypta, ex-Nervosa).

O INFESTATIO iniciou 2021 com tudo, divulgando seu novo single, “Never Fall Back” – lançado em junho deste ano como videoclipe e em todas as plataformas de streaming – apresentando de forma oficial sua nova formação, que conta com Jaqueline Albino (vocal), Rafael Neves (guitarra & vocais), Caio Piccolotto (bateria), Gabriel Wintter (guitarra) e Jorge Rodrigues (baixo).

FORMAÇÃO:
Jaqueline Albino – vocal
Rafael Neves (Rafão) – guitarras e vocais
Gabriel Wintter – guitarra
Jorge Rodrigues – baixo
Caio Piccolotto – bateria

LINKS RELACIONADOS:

|Facebook|Instagram|YouTube|Site Oficial|Contato|

Nos sigam e deêm um like na gente \m/

About Gustavo Diakov

Idealizador disso aqui, Fotógrafo, Ex estudante de Economia, fã de música, principalmente Doom/Gothic/Symphonic/Black metal, mas as vezes escuto John Coltrane e Sampa Crew.

View all posts by Gustavo Diakov →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *