Dois shows incríveis na The House!

Para os fãs do metal moderno, a noite do último sábado foi inesquecível. Conforme o cronograma, as 19:00 às portas foram abertas para o público em geral, e quem já aguardava na porta do The House entrou e se dirigiu para a frente do palco aguardando o início das apresentações.

Pontualmente as 20:00, Scar Of The Sun subiu ao palco, abrindo o show com a introdução do último álbum, além da primeira música. Era nítido que a maioria do público presente na The House, aguardava o show do Monuments, mas isso não impediu que a banda fizesse um show impecável e ganhasse atenção daqueles que ainda não conheciam o trabalho da banda. O setlist foi marcado por músicas do último trabalho deles além de músicas dos outros trabalhos. Terry Nikas, vocalista da banda, dedicou o show e fez uma homenagem ao André Matos, que faleceu no último dia 8 de junho.

Com uma presença de palco impecável, a banda garantiu que retornará ao país o mais breve possível.

Pouco tempo depois foi a vez do Monuments dar as caras no palco, muita gente deixou para entrar na casa na hora da banda tocar, e as 21:10 se iniciou o show, e já na primeira música foi o suficiente para fazer os fãs irem a loucura. O setlist foi composto em sua maioria por músicas do último trabalho da banda, Phronesis, lançado em 2018, além de hits conhecidos.

Durante todo show o público presente cantou todas as músicas, e agitou com rodas de mosh. Os integrantes também mostraram que estavam dispostos a gastar sua energia no último show do Brasil. Logo após a última música o vocalista Chris Barretto, não conteve a emoção e chorou, agradecendo os fãs presentes na noite de sábado.

Após o show, todos os integrantes atenderam ao público com fotos, autógrafos e um bate-papo.

 

Confira o setlist:

  1. W.O.L
  2. I, The Creator
  3. Leviathan
  4. Stygian Blue
  5. Mirror Image
  6. Atlas
  7. Doxa
  8. Empty Vessels Make the Most Noise
  9. Regenerate

 

 Encore:

  1. Origin of Escape
  2. Degenerate

 

Galeria De fotos: https://flic.kr/s/aHsmEimDqZ

Texto e fotos: Gustavo Diakov 

Agradecimentos: EV7Live/Lex Metalis/The House